SBMa

A Sociedade Brasileira de Malacologia (SBMa), cujo símbolo é uma concha do gastrópode marinho Strombus goliath Schröter, 1805, foi fundada em 12 de julho de 1969 durante o I Encontro dos Malacologistas Brasileiros, realizado em Juiz de Fora, Minas Gerais. Atualmente, representa a maior e mais antiga Sociedade Científica Latino-americana de Malacologia.

O primeiro congresso reuniu cerca de 30 participantes, constituindo-se em modesto, mas profícuo “encontro”. A partir daí, a SBMa vem realizando seus congressos com regularidade, sem interrupções, reunindo entre 300 a 500 participantes não apenas do Brasil, mas também dos demais países latino-americanos, assim como norte-americanos e europeus. A SBMa já promoveu 24 Encontros Brasileiros de Malacologia (EBRAM), realizados a cada dois anos, e conta com a participação de malacólogos divulgando suas atividades de ensino, pesquisa e extensão, sob forma de palestras, mesas redondas e apresentações de trabalhos científicos, os quais são publicados em um livro de resumos.

01